OS SINTOMAS QUE VÃO E VOLTAM – por Vital Frosi

OS SINTOMAS QUE VÃO E VOLTAM – por Vital Frosi

Amados!

Muito se tem falado sobre os diversos sintomas sem causas aparentes, que acompanham a maioria das pessoas, principalmente aquelas que estão despertando a consciência.
Algumas chegam ao ponto do desânimo. O desconforto surge como ondas. Aparece de uma hora para outra; cresce rapidamente, atingindo picos quase insuportáveis; depois, simplesmente desaparece. Mas esses sintomas ficam sempre rondando a pessoa que os sentem. Passam-se os anos e o desconforto está ali, sempre dando sinais de que ainda não se extinguiu completamente.
Muitos me perguntam: "Quando isso vai acabar?"
Não posso responder, porque nem mesmo eu sei. Meus Guias dizem que tais sintomas são a liberação das energias que precisamos liberar.
Durante "Eras" acumulamos energias negativas através de nossas más ações. Mesmo através das reencarnações, trazemos na bagagem de alma, essas vibrações de baixa frequência. Somos o resultado disso tudo. Nossos corpos foram sendo construídos com esse material. 

Porém, nestes últimos anos, a energia cristalina oriunda do Sol Central que chega à Terra, está mudando a estrutura carbono para uma nova plataforma cristalina, principalmente do nosso corpo físico. Isso faz com que a velha energia acumulada, precise ser liberada.
Cada um de nós tem certas tendências naturais adquiridas através das vidas sucessivas. Quando tais tendências produzem baixas vibrações, acumulamos através das emoções, essa energia em determinado chákra que por sua vez, controla determinada parte do corpo.
Ora, se essa energia negativa está armazenada lá, é exatamente naquele ponto que vai se manifestar. A válvula de escape se abrirá naquela zona para dar vazão.
Por isso, alguns sentem as dores na cabeça; outros têm problemas na área laríngea; também podem surgir sintomas respiratórios, cardíacos, abdominais, estomacais, diarreia, problemas na coluna, na área sexual, dores nas articulações, nos membros tanto inferiores como superiores, etc.
É como uma panela de pressão: se não liberar essa energia, irá explodir.
As vibrações negativas armazenadas pelos seres humanos podem ser de tal monta que, na hipótese de ser liberadas mais rapidamente, fatalmente levaria o sujeito à óbito. Por isso, está sendo feito aos poucos. Muitas vezes, próximo do limite suportável. E são nessas ocasiões que sentimos intensamente tais desconfortos.
Para que possamos relaxar um pouco, temos alguma trégua entre os picos mais fortes. A recomendação que recebemos é para entender que tais sintomas não são doenças. Como é uma energia sendo liberada, devemos aceitar com resignação e ter a certeza que depois vai passar.
Podemos aliviar um pouco tais dores através das práticas que equilibram a energia, como Reiki, Yoga, Meditação, Respiração, a ingestão de Chás apropriados, etc.
Essas ondas libertadoras das baixas energias, geralmente acompanham os pulsos energéticos oriundos do Centro Galáctico que a Terra está recebendo atualmente.
A nossa Mãe Gaia também é um ser vivo e respira como qualquer outro.
No seu centro, existe um núcleo de Cristal (uma Mandala) que recebe e transmuta toda a energia negativa produzida pelos seres humanos. Porém, quando há excesso, ela não dá conta. É ali que entram os movimentos telúricos, ou seja, os vulcões, os terremotos, os ventos, os raios, as tempestades, etc, para ajudar nessa limpeza.
Assim como a Mãe Gaia, o corpo humano também tem seus recursos de transmutação. Quando a nossa consciência não consegue liberar ou transmutar toda a energia negativa acumulada por éons, os sintomas supracitados aparecem para ajudar no processo.
Caso haja resistência, revolta, a não aceitação, isto é, não havendo a conscientização que somos seres espirituais em aprendizado numa Escola de Consciência, ou também na hipótese de silenciar tais sintomas com medicação sempre que surgem, a pressão se tornará tão grande que fatalmente se transformará em doenças físicas.
Postei aqui um artigo no final de maio, advertindo para a onda de energia que viria em junho. Foi um dos maiores picos energéticos deste ano. Agora, na segunda quinzena do mês, vamos ter uma trégua. Mas outras ondas virão mais adiante.
Lembrem-se que a limpeza precisa ser feita, pois a Terra não vai mais aceitar nenhum ser humano que não tenha a energia condizente com os Novos Tempos.
A isso podemos comparar também à advertência contida na parábola do Joio e do Trigo.
O trigo não poderá mais ter impurezas. É isto que estamos fazendo.
Porém, nem todos irão fazer tal processo. Muitos não querem. Preferem o exílio do Espírito.
Quando vai acabar tudo isso?

Não é facultado saber a data exata, mas os nossos Amparadores Angelicais nos dizem que vai ter sim um final. Não necessariamente todos ao mesmo tempo, como no Evento por exemplo, mas podemos sim liberar toda a energia negativa e nos aliviar de tais sintomas desconfortáveis bem antes do Evento acontecer. Depende de cada um. 

Eu sou Vital Frosi e minha missão é o esclarecimento. 


Direitos Autorais:

Vital Frosi
https://www.facebook.com/vital.frosi

Nenhum comentário